O estrabismo é um distúrbio da visão relacionado com um defeito no paralelismo dos eixos visuais devido a um desequilíbrio muscular oculomotor. Estes músculos trabalham juntos para controlar para onde olhamos. Se eles não funcionam em sintonia, pode surgir o estrabismo.

 

Tratamento

O estrabismo deve ser tratado o mais cedo possível.

A utilização de óculos com lentes específicas, exercícios para os olhos, injecções de toxina botulínica ou mesmo a intervenção cirúrgica podem ser usados ​​para tratar este problema.

 

Como diagnosticar

O cérebro recebe duas imagens, daí que uma pessoa com estrabismo possa sentir a visão turva ou desfocada, e, consequente, algumas dores de cabeça. Pode ser constante ou intermitente e é, geralmente, detectado durante um exame ocular de rotina.

Os olhos podem cruzar ao tentar focar um objecto que está próximo ou distante.

 

Sabia que afecta cerca de uma em cada vinte crianças?

Até aos três meses de idade, muitos bebés podem sofrer desta condição enquanto a sua visão se está a desenvolver.

Por norma, aparece antes dos cinco anos de idade, mas também pode começar mais tarde na infância, ou mesmo durante a idade adulta.

Uma criança que não esteja diagnosticada e devidamente acompanhada, pode desenvolver a partir do estrabismo o problema de olho preguiçoso.

 

Se desconfia que o seu filho sofre de estrabismo, aconselhamos que o leve a um especialista.

Comentários

comentários